Blog BringData.co

Método rápido para descobrir se você tem problemas na qualidade de dados

Notebook work with statistics on sofa business


Os seus dados são realmente válidos? Isso deveria ser perguntado sempre, inclusive, você já reparou o tanto que confiamos em dados mesmo antes de verificar sua procedência? Não é porque estão em uma planilha gigante e bonita que devemos aceitá-los sem questionamento, confiar em dados ruins podem gerar problemas enormes seja operacionalmente ou estrategicamente.

O fato é: lidamos com dados o tempo todo, corretos e incorretos, mas como saber se sua base de dados é um problema? Conhecido como “The Data Doc”, Thomas C.Redman, criou um método de avaliação de base de dados chamado FAM: “Friday Afternoon Measurement” ou “Medição de final de sexta”. Essa medição foi criada para ajudar gerentes de qualquer nível a entender se possuem problemas de dados em sua organização, o “final de sexta” foi escolhido pois geralmente essa reunião acontece no fim da semana quando o volume de trabalho é reduzido.

Como aplicar?

O método pode ser aplicado a mão ou utilizando planilhas e é dividido em quatro etapas:

  1. Amostra dos dados: Selecione os últimos 100 dados que sua equipe coletou, por exemplo: últimos 100 novos clientes, últimos 100 pedidos ou últimas 100 compras;
  2. Encontre as pessoas certas: Reúna duas ou três pessoas que conheçam bem os dados selecionados;
  3. Marque os erros: Por conhecerem os dados você e as pessoas que foram selecionadas serão capazes de identificar erros óbvios ou entrar em discussão para descobrirem se os dados estão ou não corretos. Marque todos erros com cores chamativas a fim de destacá-los;
  4. Resuma os resultados: Adicione a coluna “Registro perfeito”  e preencha “sim” se não houver erros e “não” se estiver destacado demonstrando erros.

O resultado será uma planilha como demonstrada a seguir:


(Exemplo de tabela para método FAM)

Neste caso notamos que somente 60 das 100 informações foram classificadas como válidas, confirmando um problema em relação a qualidade dos dados, ou seja, provavelmente existirão outros problemas no restante da base de dados e isso precisa ser investigado e tratado. O método parece extremamente simples, e é! O objetivo é gerar alerta e chamar a atenção de quem lida com essas informações.

Quais são os principais problemas que dados ruins geram?

Dados de qualidade são aqueles que atendem o propósito para os quais são consultados, uma planilha com apenas 60% de acerto causará 40% de erros de produção, diminuirá sua confiança nas decisões e pode causar enormes prejuízos financeiros, por exemplo. 

Poderíamos listar inúmeros desafios das empresas com dados com baixa qualidade, mas para facilitar a leitura separamos apenas alguns dos principais problemas:

  • Baixa efetividade para comunicação correta com clientes;
  • Problemas para identificação correta do perfil de clientes;
  • Imperfeições na produção;
  • Falta de assertividade na previsão de demanda;
  • Decisões não confiáveis;
  • Baixas taxas de respostas em pesquisas de satisfação;
  • Invalidação dos algoritmos de análises (Dados ruins, análises ruins);
  • Problemas para personalizar experiências e etc!

O método FAM é muito simples e pode ser realizado semanalmente com diferentes bases de dados, além de identificar erros e melhorias a serem realizadas, o método será capaz de colaborar com o engajamento das pessoas sobre a importância da gestão da qualidade de dados em suas áreas todos os dias, por que você não começa a usar a FAM nessa próxima sexta?

E por aí, você já enfrentou algum desses problemas ou outro que não citamos? 

Posts relacionados que você deveria conhecer:

 

Dica 1 – O guia imperdível de Data Quality: tudo o que você precisa para combater dados ruins

Dica 2 – 6 verdades que você precisa ouvir sobre gestão de dados na sua empresa

Dica 3 – O motivo para existirmos e como podemos ajudar seu negócio a ter dados melhores

A BringData

A BringData é uma plataforma de tratamento de dados em tempo real que te ajuda a validar e organizar os dados da sua empresa.

Crie sua conta gratuita e receba 100 créditos gratuitos!

 

Sair da versão mobile