Como melhorar a entregabilidade de emails?

Sua empresa envia mensagens, mas seus contatos não as recebem? Você está com problemas de entregabilidade e pode perder muitos feedbacks e negócios!

Se você utiliza algum tipo de comunicação com clientes via e-mail, provavelmente já encontrou problemas de entregabilidade e ficou se perguntando como resolvê-los.

Como remetente nós desejamos que a maioria dos e-mails sejam entregues, assim a mensagem que pretendemos passar será levada aos destinatários, mas quais são os pontos que precisamos trabalhar para ter uma boa entregabilidade de e-mails?

Neste post listamos dicas essenciais para que você melhore o desempenho de entrega das suas comunicações, vamos lá?

Tenha todos certificados de segurança configurados:

A ferramenta de análise de entregabilidade da MXToolbox é perfeita para identificar se todos os certificados de segurança de e-mail do seu domínio estão ativados, acesse o link e siga os dois passos para ter acesso ao seu relatório completo!

Veja, por exemplo, esse caso em que os fatores de DMARC Compliant e DKIM Alignment não são cumpridos para o domínio testado:

Esses certificados têm como objetivo autenticar que os envios da sua conta são seguros e não precisam cair em SPAM quando enviados, ou seja, suas chances de cair em spam são menores se eles estiverem corretamente configurados.

Avalie os seus certificados de segurança e trabalhe na correção deles junto ao seu provedor do seu domínio!

Tenha cuidado com “Spam Traps”

Spam traps são endereços de e-mails que identificam possíveis mensagens consideradas spam, são “pegadinhas” para impedir a chegada desse conteúdo.

Um exemplo de spam traps são e-mails antigos, por exemplo, vamos supor que o e-mail fabio.mansur@bringdata.co não foi utilizado nos últimos 2 anos, então por qual motivo alguém enviaria mensagem para esse endereço?

O comportamento de tentar se comunicar com esse endereço antigo mostra que o remetente conseguiu esse e-mail por canais não oficiais ou autorizados, pois, se o destinatário realmente tivesse interesse em receber essa mensagem ele forneceria um endereço atualizado, sendo assim, você será listado como um spammer e sua reputação de disparo será prejudicada.

Você evita spam traps quando possui fontes confiáveis e adota estratégias recorrentes de atualização de dados.

Ajuste a sua frequência de disparos

Enviar muitos e-mails para um mesmo endereço em um curto espaço de tempo pode fazer com que você seja listado como spammer!

Segundo a SmartMail, a frequência ideal de disparos em lote é de 1 e-mail por semana por cliente, assim você evita ser listado como spammer e tem maiores chances de não incomodar seus clientes.

Uma boa alternativa é coletar com o cliente no momento de cadastro qual é a frequência de disparos desejada, um exemplo muito bom é o que a Rock Content aplica no seu blog!

Automatize seus fluxos de comunicação de acordo com a frequência desejada, assim, você possui o opt-in do cliente e também direciona as informações na frequência desejada evitando receber uma desinscrição ou denúncia de spam.

Um outro ponto importante é evitar os picos de disparos, tente enviar uma quantidade média por período ao invés de enviar uma avalanche de e-mails!

Melhor um unsubscribe do que uma denúncia de spam

Você já reparou que a maioria dos e-mails marketing posicionam seu botão de desinscrição no lugar mais escondido discreto possível?

Parece algo sagaz a se fazer para manter seu público, mas quanto mais difícil for encontrar esse botão, maiores serão os números das denúncias de spam para o seu conteúdo, não é o que queremos.

Três ou quatro denúncias de spam são suficientes para prejudicar sua reputação de disparo, faça questão de deixar o botão de unsubscribe evidente e em pleno funcionamento!

Acompanhe sua reputação de disparo (Sender Score)

Se você chegou até aqui o tema entregabilidade é realmente relevante para você, então considere adicionar um evento recorrente na sua agenda para monitorar a reputação dos seus domínios de envio.

Semanalmente acesse o ipqualityscore.com, digite seu domínio e confira se está tudo certo!

O resultado será algo como o apresentado a seguir:

Limpe sua base de dados de e-mail

Nós já conversamos algumas vezes sobre isso, mas enviar mensagens para e-mails falsos prejudicará cada vez mais a credibilidade, mais uma vez, os servidores identificarão que sua empresa não tem o cuidado de manter uma base limpa e atualizada de informações.

Vemos que não é só a LGPD que exige a atualização e limpeza de dados, os servidores de e-mail também!

Use um validador de dados de e-mail como a BringData para identificar quais dados de e-mails não são válidos na sua lista de clientes!

Se você já tem uma base de mensagens não entregues e aplica a validação de e-mails, podemos encontrar dois principais casos:

  1. E-mails inválidos:

    Entre em contato com o cliente ou responsável pela captação desses dados para atualizar a informação com o melhor dado existente no momento.

  2. E-mails válidos, mas que não foram entregues:

    Se os e-mails são válidos e não foram entregues significa que foram barrados por alguma das barreiras de segurança dos destinatários, explique o ocorrido e peça a liberação do seu domínio nos servidores de destino!

Conclusão

Garantir uma boa taxa de entregabilidade de e-mails envolve questões técnicas e de boas práticas de disparo de mensagens.

Monitorar e ajustar suas configurações e estruturar cadências de contato com clientes saudáveis são as melhores alternativas para alcançar o sucesso esperado nas suas taxas de entregabilidade com clientes!

Utilize os recursos citados no post e as funcionalidades da BringData.co para conseguir sempre se comunicar com seus clientes!

Qualquer dúvida basta me enviar um e-mail pelo fabio@bringdata.co, falar comigo por WhatsApp (31) 9 7553-3434 ou deixar seu comentário por aqui!

Até logo! 😀

Share

Fábio é CEO da BringData, empresa especializada em tratamento de dados de clientes, foi Diretor Comercial da Track.co, é administrador e especialista em gestão da experiência de clientes.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.